/ estatisticas

8 estatísticas importantes sobre experiência do usuário com o site

Internet lenta, acesso só em casa e apenas um tipo de monitor para praticamente todos os usuários, essa era a realidade da web nos anos 90. Porém, como nós sabemos, muita coisa mudou de lá para cá. Hoje, a banda larga já chega em boa parte do país, as pessoas conversam em redes sociais até mesmo enquanto andam na rua e até alguns televisores já estão preparados para procurar conteúdo on-line. E com tanta diversidade, era de se esperar que a experiência do usuário com o site (a famosa UX) também ficasse diferente.

No entanto, ainda é comum encontrar páginas e e-commerces despreparados para essa nova realidade. E foi pensando nisso que criamos essa lista com 8 estatísticas interessantes sobre a experiência do usuário que farão você repensar a forma como planeja o seu endereço na web.

Quer ver quais são elas? Então confira!

1. 47% dos usuários esperam que uma página carregue em menos de 2 segundos

Sim, o design de uma página é muito importante, mas se ela não carregar rapidamente, pouco importa. Pelo menos foi isso que a consultoria Akamai and Gomez descobriu através de uma pesquisa realizada nos últimos anos e que apontou a necessidade dos designers de experiência pensarem em como deixar as suas páginas cada vez mais leves - afinal de contas, ninguém quer gastar todo o plano de dados do 3G para abrir apenas um site, certo?

Para otimizar a velocidade de carregamento de websites, temos um ebook com 7 passos para otimizar seu site neste link.

2. 77% das buscas realizadas através de celulares ocorrem em casa ou no trabalho

Em março de 2013, o Google realizou uma pesquisa com o grupo Nielsen - responsável pelo IBOPE aqui no Brasil - para saber os hábitos de quem navegava na web através de aparelhos móveis. E um dos pontos que foi levantado nessa pesquisa mostrava que boa parte das buscas, realizadas na web através dos celulares, aconteciam quando aquele usuário já estava em casa ou no trabalho, ou seja, lugares onde eles provavelmente teriam acesso a computadores.

Com isso em mente, é possível perceber a importância de se apostar em um design responsivo, permitindo que o seu usuário acesse o seu site com qualidade, seja qual for o dispositivo que ele estiver utilizando.

3. 55% das conversões on-line ocorrem em menos de 1 hora

Nessa mesma pesquisa do Google, foi apontado também que o tempo médio de conversão dos visitantes de e-commerces é de menos de uma hora. Ou seja: quando um visitante entra no seu site, ele provavelmente está disposto a comprar algo, portanto, não o perca por conta de uma péssima experiência.

4. Para 88% das pessoas, a experiência do usuário é um fator decisivo para voltar ou não em um e-commerce

Imagine só chegar em um supermercado e não conseguir encontrar nenhum produto que você procura ou até mesmo um caixa para atendê-lo Provavelmente você não iria querer voltar lá depois disso, não é mesmo? Pois esse tipo de experiência negativa não afeta somente as lojas do mundo físico. De acordo com um relatório feito pelo pessoal da Dynatrace, 88% dos entrevistados disseram que não voltariam a uma loja virtual que proporcionasse uma má experiência de uso.

5. 85% dos adultos acreditam que a versão mobile de um site deveria ser tão boa ou melhor do que a sua versão desktop

Então seu site é caprichou no desktop mas não funciona bem no mobile? Pois você pode estar perdendo acessos e dinheiro por causa disso.

Segundo algumas pesquisas, cerca de 85% dos usuários entre 24 e 40 anos acreditam que um site deve aparecer tão bonito na tela de um celular quanto na tela de um computador tradicional. Algo que faz total sentido quando lembramos da quantidade de pessoas que hoje acessam a web primeiro através dos smartphones.

A adoção da rolagem infinita fez a taxa de rejeição da Time.com cair para 15%

Em busca de reduzir a sua taxa de rejeição e aumentar o tempo de permanência na home, a Time, uma das maiores publicações do mundo, resolveu adotar no ano passado a rolagem infinita - como a do Facebook e Twitter - em sua página inicial. O que aconteceu com isso? A enorme redução, para 15%, do número de usuários que não clicavam em nenhum outro artigo por ali.

6. As pessoas estão mais dispostas a escalar o Everest do que a clicar em um banner

Até hoje, boa parte da renda de vários sites vem dos banners, os espaços publicitários com destaque nas páginas. No entanto, a cada ano as cifras do lucro vindo desses lugares só diminui - principalmente agora, em épocas de adblock - fazendo com que os designers repensem o modelo de distribuição de informação dentro de seus sites e até o modelo de negócios.

Agora, se você ainda pensa em projetar uma página com vários espaços para anúncios publicitários, vale dar uma olhada nesses números da Solve Media que mostram que existem mais pessoas dispostas a escalar o temível monte Everest do que a clicar em algum banner. Fato que aponta o quanto as pessoas consideram intrusivo esse tipo de mídia.

7. 70% das PMEs não deixam o seu principal call to action à vista

Em uma pesquisa realizada pela On-line marketing coach foi visto que 70% das pequenas e médias empresas não dão o devido destaque para o seu principal call to action - chamada para ações principais de um site - como “contato” e “comprar”. Algo que pode interferir negativamente nos resultados de qualquer marca.

É importante entender quais são as cores que funcionam melhor para esse tipo de chamada, onde é melhor colocá-la dentro de uma página e até mesmo qual tipo de texto é mais fácil de ser entendido. Algo que é totalmente relativo ao trabalho de User Experience.

Como você pode ver por aqui, o trabalho de experiência do usuário com o site é extremamente relevante para o sucesso de uma página. E por ser capaz de alavancar vendas e até reduzir a rejeição de um endereço, o UX é visto hoje em dia como um dos pontos fundamentais de qualquer projeto web. Quando for pensar na atualização ou criação da sua página, não se esqueça de pensar nesse aspecto.

8. Cada segundo de demora reduz em 7% a conversão

Segundo um levantamento da KissMetrics, cada segundo de delay no carregamento de uma página, diminui a conversão em 7%. Isso significa que um ecommerce que vende R$1.000 por dia, cada segundo de demora no carregamento das páginas tem um impacto potencial de R$25.000 em vendas perdidas por ano. Ou seja, quase um mês de faturamento.

X

Cansado de perder tempo configurando servidores?

Com a Configr você tem tudo o que precisa para hospedar seus sites e aplicações de forma fácil, segura e automatizada.

Quero migrar meus sites
8 estatísticas importantes sobre experiência do usuário com o site
Share this