/ hospedagem de site

Por que não usar Hospedagem de Site Tradicional

Existem hospedagens compartilhadas, cloud e VPS e para cada tipo de negócio alguma delas pode ser a mais adequada. Afinal, cada uma tem suas vantagens e desvantagens, logo, no fim das contas, suas necessidades definirão o melhor serviço para você.

No entanto, a hospedagem de site compartilhada (a tradicional) quase sempre pode ser um tiro no pé a curto, médio ou longo prazo. Como qualquer coisa na vida, ela tem suas vantagens que a tornam uma boa opção, como o baixo custo. Mas até que ponto pagar um preço barato deve ser um fator decisivo para essa escolha?

Será que o seu negócio não irá sofrer com quedas, lentidão, falhas de segurança ou quaisquer outros problemas em pouco tempo? Será que você não vai deixar de ganhar dinheiro com o impacto em algum desses três fatores? Será que esse tipo de hospedagem é realmente o ideal pra você? Bem, continue lendo este artigo e tire suas próprias conclusões!

O que é hospedagem tradicional (compartilhada)?

Imagine que você tem uma uma gaveta cheia de meias. Nessa gaveta você coloca meias pretas, brancas, cinzas, coloridas, grandes pequenas, feitas de tecido x, y etc. Ou seja, você tem uma gaveta cheia de diversos tipos de meias diferentes, vários modelos para o dia a dia. Essa gaveta é a hospedagem compartilhada!

Parece muito abstrato? Vamos explicar. Nesse exemplo, você pode imaginar que cada par de meia é um site. Assim como existem meias de diversos tamanhos, modelos e tecidos, existem sites feitos em plataformas x, y ou z, sendo institucionais, e-commerces, blogs etc e voltados a diversos tipos de objetivo. No entanto, todos estão alocados em um mesmo servidor, ou seja, em uma mesma gaveta.

Agora, imagine que a gaveta está completamente bagunçada. Ao procurar uma meia cinza, você encontra uma rosa de poliéster lá no fundo da gaveta ao lado de uma outra branca de algodão. Além disso, a bagunça é tanta que ao tentar pegar essa meia rosa, você acabou esbarrando em uma madeira solta que rasgou a meia! E pior: cadê a meia cinza?! Sumiu? Será que seu irmão se confundiu e pegou sem querer?

Bem, assim como na vida real uma gaveta pode ficar bagunçada e ruim, um servidor de hospedagem tradicional (compartilhada) também tem muuuitos problemas semelhantes. Conheça abaixo alguns dos mais comuns e saiba porque usar esse tipo de hospedagem pode não ser a melhor escolha.

Porque a hospedagem compartilhada é lenta

Continuando na nossa gaveta, demos um exemplo de procura das meias ali em cima, certo? Essa procura pode demorar vários minutos se o local estiver cheio e ainda pode ser improdutiva, ou seja, você pode não achar o seu lindo par que vai combinar perfeitamente com aquele sapato de hoje.

Na hospedagem compartilhada, o excesso de sites em um mesmo servidor pode gerar exatamente o mesmo impacto. Afinal, você quer acessar uma determinada página, mas o banco de dados está tão sobrecarregado que fica muito difícil encontrar o que é necessário, gerando instabilidades e quedas.

Mas isso não é pior! Na realidade, uma grande desvantagem desse tipo de hospedagem é que, para proteger a qualidade do serviço oferecido e manter todos os sites no ar, o provedor pode limitar os recursos oferecidos e até mesmo desligar sites que estejam consumindo mais do que o oferecido!

Porque a hospedagem compartilhada não suporta muitos acessos

Imagine que você começou a vender meias. Agora a sua gavetinha não está apenas hiper lotada, mas também tem cerca de 50 pessoas alucinadas pelos produtos e empurrando umas às outras por aquelas meias que mais parecem o último lançamento da Apple. E, logicamente, a confusão é tanta que ninguém consegue pegar nada.

Agora, imagine se o seu site começa a ter milhares de acessos de um dia pro outro por algum motivo? Ou então se você estiver simplesmente fazendo cadastros, backups ou quaisquer outras ações que exijam muitos recursos do servidor? Isso tudo pode causar lentidões no seu e nos outros sites da rede.

Assim como na lojinha de meias, "ninguém consegue pegar nada" e isso também pode ser interpretado como abuso de recursos, gerando dores de cabeças maiores. Como citado anteriormente, o seu site pode simplesmente sair do ar porque pode ser prejudicial a toda a hospedagem compartilhada.

Porque a hospedagem compartilhada é insegura

Lembra que lá no início da nossa analogia falamos que uma meia se enroscou com a madeira da gaveta e acabou rasgando? O cenário poderia ser pior, né? Uma lasca de madeira poderia rasgar outras meias, enquanto você puxava a primeira, prejudicando diversos produtos. E a mesma coisa pode acontecer com o seu site dentro de uma hospedagem compartilhada.

Afinal, se um hacker consegue invadir o servidor compartilhado, ele terá acesso a todos os sites que estão sediados ali, né? E pior: se apenas UM dos sites for invadido, todos os outros podem ficar a mercê do criminoso. Sendo assim, basta ele ter as armas necessárias para causar muito estrago em uma grande rede de sites.

E, atualmente, temos o uso de arquivos maliciosos (os vírus!) para infectar uma rede ou então o grande mal da hospedagem compartilhada: o ataque DDoS. A partir desse desse ataque, os hackers conseguem gerar instabilidades na rede - que em geral não garante proteção contra esse tipo de problema! - e se infiltrar nela com muito mais facilidade. Muito perigoso!

Porque as tecnologias da hospedagem compartilhada são limitadas

Por fim, você pode pensar na limitação física de uma hospedagem compartilhada. Afinal, se você não pode aumentar o tamanho de uma gaveta de meias rapidamente, você também não pode aumentar esse tipo de hospedagem com facilidade. Ou seja, se você recebe um pico de acessos por algum trabalho bem feito, seu site pode não apenas ficar fora do ar, como também demorar a se reerguer.

Afinal, como essa hospedagem não é escalável, você precisaria migrar seu endereço para outro servidor. Isso pode demorar dias e, logicamente, fazer com que sua empresa perca muitas oportunidades de negócio e/ou vendas. Mas o pior é que a escalabilidade é apenas a ponta do iceberg!

Na realidade, com a hospedagem compartilhada você também tem a limitação de tecnologias, como a linguagem de programação, plugins etc. Afinal, em muitos casos o desenvolvedor só tem recursos comuns à disposição. Os servidores não dispõem da estrutura necessária para oferecer melhores benefícios e isso pode impactar diretamente no seu trabalho e no desempenho do seu negócio.

Viu como a hospedagem compartilhada pode não ser uma boa pedida para a sua empresa? Se você não quer sofrer com quedas, lentidões, falhas de segurança e outros problemas, é melhor fugir desse tipo de serviço. E nesse cenário, a saída pode ser simples: a aquisição de uma hospedagem cloud server!

Esse tipo de hospedagem oferece muito mais confiança, rapidez, alta escalabilidade e diversos outros benefícios. Se a sua empresa optar por uma solução automatizada, como a Configr, você ainda terá muito menos dor de cabeça, pois todo o trabalho técnico fica a cargo da empresa de hospedagem.

Gostou? Quer sair de vez da hospedagem de site compartilhada (ou nunca entrar nela haha), optando por algo mais confiável? Então entre em contato com a gente! Conheça o cloud server da Configr e saiba como os nossos robôzinhos podem ajudar a alavancar o seu negócio!

X

Cansado de perder tempo configurando servidores?

Com a Configr você tem tudo o que precisa para hospedar seus sites e aplicações de forma fácil, segura e automatizada.

Quero migrar meus sites
Por que não usar Hospedagem de Site Tradicional
Share this