Ter seu próprio servidor ou adotar cloud hosting gerenciado?

Contar com um servidor de terceiros é um desafio para pessoas centralizadoras. Afinal, como confiar algo tão importante a alguém que não está por perto? Alguém que não está ao lado 24h por dia? É por esses receios que muitos empreendedores optam por montar seu próprio servidor - ou buscar por alternativas como o cloud hosting gerenciado.

Mas será que isso é muito difícil? Qual é o preço? É possível manter algo assim com facilidade? E revender esse serviço para os clientes? Será que o cloud hosting seria uma boa opção? Vamos ver um pouco mais sobre essas e outras dúvidas ao longo deste artigo, que mostrará um passo a passo para montar seu servidor!

O que eu devo saber?

Primeiramente, não vamos mentir pra você: o processo é complicado. Se a sua empresa precisa de algo que não exija muito trabalho, pule para o final desse artigo, onde mostramos uma alternativa para o seu negócio: o cloud hosting gerenciado automaticamente!

Sabendo disso, é preciso ter em mente que há um investimento inicial (e posteriormente mensal), girando por volta de R$ 250. Isso pode ser um pouco caro e você deve levar em consideração que muitas transações são feitas em dólar, logo, à mercê das flutuações da moeda.

Por fim, mas mais fácil, vale ressaltar que a sua empresa também precisará de uma conta no Paypal, um cartão de crédito válido e de uma equipe de suporte especializada. Falaremos um pouco mais sobre essa equipe ao longo do artigo, mas, agora, vamos entrar na parte legal: o passo a passo da montagem do servidor!

Adquira um domínio exclusivo

Primeiramente, você precisará de um domínio a sua escolha. Existem empresas especializadas apenas em registro de domínio ou o seu próprio servidor de hospedagem pode fornecer esse serviço. Pesquise e veja qual delas se encaixa melhor com o seu negócio, levando em consideração a reputação, preço, problemas comuns etc.

Essa escolha é muito importante, pois o seu domínio exclusivo servirá para colocar os servidores DNS nos domínios de cada um dos seus clientes. Ou seja, você pode ter subdomínios como seucliente1.suaempresa.com.br e seucliente2.suaempresa.com.br.

Adquira um servidor

Existem diversos servidores dedicados, desde os mais baratos até os mais caros, voltados a startups ou a empresas já bastante consolidadas e especializadas em servidores. Bem, novamente, você deve escolher aquele que encaixe melhor no seu negócio.

Existem opções baratas, mas que mantém a qualidade para a sua agência e para os seus clientes. No entanto, você precisa saber qual é a sua necessidade para contratar o servidor mais adequado possível. Pesquise bastante e chegue a uma conclusão!

Instale um painel de gerência de hospedagem no servidor e adquira sua licença

No mercado, existem algumas opções de painéis de controle e são necessários para administrar os recursos de tudo que estiver alocado no servidor. Ou seja, é a partir dele que você vai poder fazer configurações básicas a avançadas, gerenciar arquivos, instalar ou remover aplicações etc.

No nosso caso da criação do servidor, você vai precisar instalar o escolhido no painel administrativo do servidor dedicado. Esse processo é bastante técnico e talvez seja preciso requisitar a ajuda da equipe de TI da sua agência para que não nenhum problema ocorra.

Feito isso, dependendo do painel selecionado, você deverá comprar uma licença específica para configurar todas as outras licenças adquiridas. Novamente, o ideal é ter uma equipe técnica ao seu dispor para fazer todo esse procedimento relativo à configuração.

Compre IPs Adicionais

Você precisa de, pelo menos, dois IPs para ter um servidor em pleno funcionamento até mesmo em um cloud hosting, então é essencial buscar por pelo menos mais um. Esse processo pode ser complicado, mas deve ser feito dentro do seu servidor dedicado.

Configure o Painel

Agora, chegamos à etapa final: a configuração do painel! E aí, infelizmente, entramos em mais uma complicação, pois, em geral, os servidores dedicados só garantem o pleno funcionamento (ou ao menos quase pleno) dos mesmos. Afinal, cada empresa vai configurar tudo como bem entender (diferentemente de um cloud hosting gerenciado), né?

Então, se anteriormente você conseguiu se virar sozinho, mesmo quando falamos para entrar em contato com o suporte, aqui o buraco é mais embaixo. Nessa configuração, é essencial contar com alguém que realmente entenda a fundo de linhas de código e servidores para evitar bugs.

Existem diversos serviços especializados em monitoramento e manutenção do painel e, por ser algo específico, indicamos essa ajuda de terceiros. No entanto, caso você não queira gastar ainda mais, nada impede o trabalho com a equipe interna da sua empresa.

Faça como for mais confortável porque, depois de tudo isso, você terá o seu servidor próprio! Mas é claro que esses são passos complexos e, por isso, nem todos conseguem chegar até o fim. Se você for um deles, temos uma outra alternativa...

Conheça uma solução cloud hosting automatizada

Fugir de todos esses nomes estranhos é um alívio para muitas agências. E bem, apesar do receio de confiar essa parte crucial do negócio à outra empresa, o processo pode ser muito mais fácil e te deixar completamente focado no que realmente interessa: criar campanhas que deem resultados aos seus clientes.

Nesse cenário, contar com um cloud hosting já é um ponto positivo. Afinal, você não dividirá recursos, memória e espaço com ninguém, tendo algo único e exclusivamente seu. Isso reduz possíveis problemas de segurança, quedas, lentidão e oferece muito mais estabilidade ao seu site.

E o mais legal desse tipo de solução é o fator automatizado: você pode passar todas as informações necessárias à empresa terceirizada e deixa-la completamente responsável para fazer as configurações.

Ou seja, seus e-mails, CDNs, bancos de dados etc serão inteiramente configurados e monitorados por “robôs” do cloud hosting durante 24 horas por dia, 7 dias por semana. Muito legal, né?

Isso garante ainda mais confiança ao seu servidor cloud hosting, fazendo com que a sua agência possa revender esse tipo de serviço. Dessa forma, você tem algo de qualidade para oferecer aos seus clientes sem precisar se preocupar com absolutamente nada técnico. E o melhor: isso tudo com o seu logo, gerando visibilidade à marca.

Gostou da ideia? A Configr pode te proporcionar todos esses benefícios ao oferecer um cloud hosting inteiramente automatizado e com possibilidade de revenda aos seus clientes. Descubra como a Configr pode te ajudar e até a próxima!

X

Cansado de perder tempo configurando servidores?

Com a Configr você tem tudo o que precisa para hospedar seus sites e aplicações de forma fácil, segura e automatizada.

Quero migrar meus sites
Ter seu próprio servidor ou adotar cloud hosting gerenciado?
Share this